sexta-feira, 4 de julho de 2008

Sexo, drogas e Harry Potter


É gente, Harry Potter cresceu... Agora, já adolescente, o bruxinho safadinho vai se envolver com drogas em seu próximo filme, a ser lançado pela Warner Bros.

Além disso, haverá insinuações sexuais no longa da autora J.K. Rowling, se é que você me entende...

Quem conta é o próprio Daniel Hadcliffe: "Há uma energia sexual e algum paralelo com as drogas", declarou em uma entrevista. "Temos aquilo que nosso diretor, David Yates, chama de momentos 'Trainspotting'".

A gente explica: referência ao filme de Danny Boyle, de 1996, sobre um grupo de viciados em heroína.

Hadcliffe já tinha feito um filme bafônico no ano passado, chamado Equus, baseado na peça de Peter Shaffer (veja foto), onde vive um rapaz perturbado que "incomoda" o seu psiquiatra e a sua vidinha pequeno-burguesa e infeliz, forçando-o a olhar para o seu próprio fracasso a partir da "anormalidade" do rapaz e de uma inevitável relação ambígua.

No filme, ele é sexualmente fascinado por cavalos... Freud explica!

Ah, fala sério! Meter drogas e sexo em filme infanto-juvenil é bafo garantido!

Tesão em cavalo e nu total em outro, então...

Dou 10 na escala bafométrica!

Reações:

1 se meteram:

ai geeente
só a vizinhança pra fazer um bafômetro, mesmo!
huuhauhauhauhauhauha